Ilha Grande: o paraíso em Vila do Abraão

Não existe outra palavra que defina tanto Ilha Grande: Paraíso. Um lugar que nos apaixonamos de cara e de graça. A verdade é que não é difícil se render aos encantos da maior ilha da baía de Angra dos Reis, RJ. Sua calma e tranquilidade, seu vilarejo e suas belíssimas praias são atrativos que nos fizeram querer montar um comércio artesanal por lá e simplesmente, ficar.

[Um pouco de história] 

Durante o governo de Getúlio Vargas (década de 30/40), a ilha servia inicialmente de presídio, que comportava até mil detentos, para todos os confinados do Lazareto – como se fosse um hospital para imigrantes, a fim de isola-los e evitar epidemia de doença – e que passou, mais tarde, a se chamar Cândido Mendes. Durante o regime militar, também foram transferidos políticos presos, que ficaram confinados até 1970, deixando o presídio apenas para presos comuns. Em 1994 demoliram o presídio, pois o mesmo era fonte de diversas fugas de presidiários, o que causava inúmeras inseguranças à população local.

Hoje em dia, o povoado [Vila do Abraão] conta com aproximadamente três mil habitantes e tem o turismo como principal fonte econômica. A maior parte dos turistas escolhem a vila para hospedagem, mas há também aqueles que preferem a natureza e se aventurar no camping pela Praia do Aventureiro (mas aí é história para um outro post!): Hoje vamos falar um pouco da Vila do Abraão, que foi aonde escolhemos para começar nossa experiência na Ilha. 

[Hospedagem] 

Pousada Só Natureza (1)

Você encontra hospedagem para todos os bolsos, para aqueles que curtem acampar, também é possível encontrar locais, nos quais, você leva sua barraca e eles cedem o espaço, uma copa e banheiro compartilhado. Há também opções médias e outras bem caras. Optamos por ficar em pousada, que na época acabou saindo com um custo x benefício ótimo, pois aproveitamos um feriado de quatro dias no Rio de Janeiro (época do JMJ – 2013), sendo que lá era período normal.

Pousada Só Natureza: Recomendamos demais. A localização é ótima – mas daí acredito que a maioria das pousadas sejam bem localizadas, a vila é bem pequena, super fácil de se locomover -, mas gostamos muito de sua estrutura, foi uma das poucas com piscinas, apesar ser de uma pousada simples, é aconchegante e, principalmente, o atendimento incrível. Fizemos nossa reserva pelo Booking.com. Endereço: Rua A, 79 – Vila do Abraão – Ilha Grande, Angra dos Reis

[Quando ir e Quanto tempo ficar] 

Vá no verão. Nós acabamos indo em junho [nosso inverno brasileiro], pois foi quando teve essa oportunidade de feriado em nossos trabalhos, mas acabamos pegando um tempo mais frio e um pouco de chuva, nada que tenha atrapalhado nossa viagem, mas se for para planejar a ida, vá no verão. O turismo lá é somente praias e nada mais justo que tenha um céu azulzão e um sol lindo para fazer parte desse cenário! 🙂

Não vá apenas um final de semana: não compensa nem um pouco, a não ser que você more muito próximo, mas para quem, como nós, mora há pelo menos 5 horas de distância de Angra dos Reis, ou Mangaratiba, bases para se chegar à Ilha, um final de semana é tempo perdido. Afinal, ainda tem que contabilizar os horários de saída das barcas, que não costumam sair muito tarde. Portanto, pelo menos quatro dias é um bom início para sua viagem, quem puder ficar uma semana, ou mais, melhor ainda! 😀

[Como chegar] 

Angra dos Reis (1)

Os barcos até a Ilha saem de Angra dos Reis ou Mangaratiba. Do centro de Angra saem, todos os dias, três catamarãs no cais de Santa Luzia; ou então, é possível pegar uma barca do cais da Lapa. De Mangaratiba parte também outra barca. A duração média para chegar à Vila é de 1h:30. Horários e Preços vocês podem encontrar aqui.

Em nosso caso, nós pegamos um ônibus do Rio de Janeiro (capital), pela Costa Verde, com destino à Angra dos Reis e optamos em pegar os catamarãs de Santa Luzia que saim em mais horários.

[As praias]

Vocês encontram inúmeras praias próximas à Ilha. Infelizmente, não conseguimos ir em todas, pois em apenas quatro dias, contando com a chegada e saída, não são suficientes para conhecer todas. Para tanto, escolhemos fazer um passeio de escuna que passa por algumas praias, o que acaba sendo uma boa maneira para quem estar com pouco tempo como a gente. Os passeios podem ser comprados na própria Vila do Abraão, são diversas agências vendendo, basta verificar em qual você consegue o melhor preço.

O mapa abaixo é muito legal, pois consegue nos dar uma visão geral da ilha, vejam só:

Fonte: pbase.com

Bom, eram quatros dias, né? De todas essas praias tivemos a oportunidade de conhecer:

PASSEIO DE ESCUNA DIA 01: Praia e Cachoeira da Feiticeira 

Paramos na Praia da Feiticeira, que fica localizada na Enseiada das Estrelas, e de lá podíamos ficar pela praia, ou fazer a trilha até a cachoeira, então, lá fomos nós de trilha. Tem uma dificuldade média, com subidas e caminhadas, que da pra dar uma cansada, mas não demora muito. No meio da trilha encontramos uma vista linda, que não tem como resistir a uma fotinho. A cachoeira estava bem cheia, mas é bem bonita. O Victor aproveitar para tomar um banho na água super gelada, enquanto eu fique apenas olhando, hahaha.

PASSEIO DE ESCUNA DIA 01: Praia do Amor 

De lá, fomos para a Praia do Amor, que ganhou a fama em escrever o nome do amado na areia. Neste ponto, acabou que nem paramos, o barco somente passou mesmo.

Praia do Amor (2)

PASSEIO DE ESCUNA DIA 01: Praia de Fora 

Na Praia de Fora é aonde tivemos uma pausa para almoçar, no único restaurante da praia. Ela é bem isolada e quase não tinha gente, é mais parada das escunas mesmo, mas ainda sim, uma praia muito bonita e que vale a visita!

PASSEIO DE ESCUNA DIA 02: Praia do Pouso 

A praia do Pouso, fica localizada na Enseada de Palmas, bem próxima de Mangues, é tranquila e bonita!

PASSEIO DE ESCUNA DIA 02: Praia de Mangues 

É a praia base para quem quer chegar à Lopes Mendes, também localizada na Enseada de Palmas, de lá pegaríamos a trilha que nos levaria para uma das principais praia da região. Lembrando que para quem gosta, ou prefere, é possível chegar em Lopes Mendes através da trilha desde a Vila do Abraão. Escolhemos um outro dia para irmos até lá, portanto, não estava junto com o passeio de escuna.

PASSEIO DE ESCUNA DIA 03: Praia de Lopes Mendes

Uma das praias mais bonitas e famosas. Quem visita a ilha não pode deixar de conhecer sua extensa área de areia branca, seu mar azul e suas pedras, ótimo para ficar observando o mar. Como explicamos, o acesso dela é através de trilha, que pode ser uma longa caminhada desde da Vila ou então, pode-se pegar um barco até a praia de Mangues e de lá iniciar que é bem mais rápido. Como fomos em junho e não pegamos o melhor dos tempos, tinha chovido no dia anterior e pegamos um trajeto repleto de lama, que dificultou bastante a chegada. Mas é linda mesmo.. Vale muito a pena!

Praia Preta e Praia do Abraão 

E por fim, andando pela própria Vila encontramos à praia do Abraão e a praia Preta. A primeira, é a maior praia e fica bem centralizada na ilha, é aonde tem o cais para a chegada das embarcações de acesso à Ilha, bem como a saída dos passeios. Já a segunda, recebe o nome devido sua areia escura e é a segunda e última praia do Circuito do Abraão, ficando a poucos metros do centro da Vila do Abraão.

Qual é sua praia favorita do Paraíso? Conte pra gente! 😀

Vanessa & Victor

INSTAGRAM |  TWITTER

Anúncios

16 comentários em “Ilha Grande: o paraíso em Vila do Abraão

  1. Vanessa, amei a dica
    Post super completo, deu muita vontade de ir lá e conhecer essas belezas
    Bom saber que além das praias têm umas trilhas(começar preparo físico pra ontem kk) até chegar nesses paraísos
    BJoos 🙂

    Curtir

    1. Ah Paty, muito obrigada!
      haha exatamente, tem várias trilhas por lá… Eu particularmente, fugi de todas, o Victor que já se aventurou por algumas, mas é de gosto, tem para todos ! =)
      Obrigada pela visita, volte sempre!

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s