Praias do Rio: muito além de Copacabana, conheça as praias urbanas da zona oeste carioca #1

O Rio de Janeiro tem muitas praias além das da Zona Sul, que são, sem dúvidas, as mais famosas. Mas o que muita gente esquece e, às vezes nem se quer conhece, são as praias da Zona Oeste carioca que são um espetáculo à parte com seus mais de 27 km de extensão de praia, além de serem, até mais tranquilas. Isso acaba acontecendo, pois o acesso até elas é praticamente de carro, tornando-o mais limitado. Porém, algumas delas também são acessíveis por ônibus: Joatinga, Barra da Tijuca e Recreio – Você pode verificar, AQUIatravés do site da FETRANSPOR (Vá de Ônibus) como chegar a partir do lugar que você está.

Se você quiser conferir um pouquinho sobre cada uma dessas praias, continue com a gente nessa roadtrip pela orla oeste do Rio, em sua sequência. Nesse primeiro post vou destacar as praias mais urbanas e de acesso mais fácil, são elas: Joatinga, Barra da Tijuca, Praia do Recreio, Praia da Macumba, Praia da Reserva, Praia do Secreto, Abricó, Grumari e Barra de Guaratiba. Posteriormente, faremos um post somente as nossas praias selvagens! Enquanto isso, vem com a gente!! 🙂

Praia da Joatinga

Por incrível que pareça, só fui conhecer a praia da Joatinga semana passada (sinceramente, não sei porque não conheci antes) e achei simplesmente maravilhosa. Fica localizada no Joá e dentro de um condomínio (mesma área de entrada para o Clube Costa Brava), a tornando super discreta. Além disso, só é possível o acesso até a areia quando a maré estiver baixa. Não foi meu caso, quando cheguei a maré estava alta e o mar bem forte, mas você pode ir até a parte de cima, nas pedras e com certeza te renderá lindas fotos. O acesso de carro é muito tranquilo, basta colocar no GPS e não terá maiores complicações para chegar.

20170608_124741653_iOS20170608_180438000_iOS20170608_180153000_iOS20170608_180201000_iOS

Barra da Tijuca

Saindo da Joatinga você já pode seguir caminho para a Barra da Tijuca, essa com certeza é mais conhecida entre os turistas e também entre os cariocas. Seu acesso é bem simples, além de carro, tem ônibus e agora o metrô que chega até a barra, facilitando ainda mais a locomoção até ela. Eu particularmente, prefiro mil vezes essa praia para passar o dia, pois considero mais limpa e mais tranquila.

20161225_172548936_iOS20161225_172715015_iOS20161225_174842240_iOS

Praia da Reserva

A Praia da Reserva fica localizada em uma reserva ecológica, logo após o término da Praia da Barra, então você não costuma ver prédios ao seu arredor. Ela tem águas limpas, areia fofa e alguns pontos de quiosques em seu calçadão. Seu acesso é de carro, mas vá cedo, nos finais de semana costuma encher bastante e tem menos vagas do que na Praia da Barra, por exemplo. No dia da foto abaixo, tivemos o azar de pegar um trânsito de horas, mas em compensação, fomos recompensados por esse lindo pôr-do-sol.

20161230_210730421_iOS20161230_210712493_iOS

Praia do Recreio + Praia da Macumba

Praia do Recreio e da Macumba se tornam duas praias diferentes pela divisão da Pedra do Pontal. Vindo da Barra, a Praia do Recreio é a primeira que avistamos. É uma praia bem parecida com a da Barra, mais urbana e com ótima estrutura para passar o dia, só que é bem mais distante.

20170123_105920534_iOS 120170608_134011861_iOS20170608_180111000_iOS20170608_180128000_iOS

Do outro lado do Pontal, com uma rápida caminhada, já chegamos na Praia da Macumba, que é muito querida pelos surfistas e também com ótima estrutura para passar o dia, além de ter a extensão da orla do Recreio, que é perfeita para uma boa caminhada com um vistão.

20170608_134930583_iOSO legal que você pode visitar essas duas praias e ainda de quebra fazer a trilha da Pedra do Pontal e ter uma visão lá de cima delas.

Praia do Secreto

A Praia do Secreto nada mais é que uma bela piscina natural, entre pedras e sem faixa de areia que fica logo depois da Praia da Macumba. Para ir para lá, a maré tem que estar baixa e para acessá-la tem que descer essas pedras (conforme a foto) que são bem íngrimes. Confesso que quando cheguei lá em cima e vi como que era chegar até a piscina, desisti, haha. Da um medinho, gente. A praia é linda, mas não é das mais fáceis para ficar, mas valeu a pena conhecer, mesmo que de cima, rende umas boas fotinhos, hihi!

20151011_124154275_iOSDCIM101GOPRO20151011_125611304_iOS

Prainha

As vezes que passei por ela, foi para ir até seu mirante. É lindo demais parar por lá e apreciar essa paisagem. A Prainha é uma área ainda reservada com 150m de extensão, digamos que é uma praia baby! haha. Não tem muita estrutura, o público que vai é mais voltado para natureza, não liga muito para falta de urbanismo. Ah, e é ideal para os surfistas, que as amam!

20170608_175943000_iOS20140816_184517348_iOS20170608_175941000_iOS

Abricó

Abricó é uma praia de nudismo aqui no Rio. Não cheguei a ir de fato nela, pois sinceramente não tenho muito interesse nessa experiência, haha. Mas ela fica logo depois da Prainha, tem uns acostamentos que você pode parar o carro e dar de cara nessa praia da foto que não é uma praia de nudismo. A parte do nudismo, para quem quiser, fica atrás das pedras à direta, que fica tipo uma barreira deixando o lugar bem reservado para quiser visitar, ou seja, é como se fosse uma praia única com essa divisória para nudismo e não nudismo, haha.

20170608_180102000_iOS20170608_180051000_iOS

Grumari

Grumari é a ultima praia da extensão que começou lá na Barra e fica bem próximo da Praia do Abricó. É uma praia menos populosa (usada mais por surfista) e mais calma, até porque fica bem distante mesmo, mas aos finais de semana também costuma encher. De qualquer modo, é uma delícia de lugar com diversos costões, verdes e natureza e é também uma área de preservação ambiental que vale muito a pena conhecer.

20170608_180019000_iOS20170608_180006000_iOS (1)20170608_180035000_iOS

Barra de Guaratiba

Barra de Guaratiba fica depois de Grumari, então, sim, é bem longe e sinceramente, não curti tanto, taaanto. É uma cidadezinha pequena, simples, tem pontos de estrutura, mas de todas as praias que vimos até agora é a que achei mais “sem graça” haha. De qualquer forma, sempre é válido conhecer um lugar novo, mesmo tendo ficado pouco tempo por lá e como vocês podem ver na foto, a praia estava bem boa, tranquila, uma boa opção para passar o dia!

20170706_183656000_iOS20170608_175945000_iOS

Mas, pretendo voltar em breve em Barra de Guaratiba, pois é de lá que temos acessos para as praias selvagens do Rio e serão as próximas praias que visitarei para mostrar pra vocês um pouquinho de como são! :D:D

 sem-tc3adtulo1

Anúncios

8 comentários em “Praias do Rio: muito além de Copacabana, conheça as praias urbanas da zona oeste carioca #1

  1. Já têm 3 anos consecutivos que vou ao estado do RJ no feriado de Corpus Christi e conheci a maior parte das praias “turísticas”. Nessa ultima viagem que fiz fui para Arraial do Cabo/Cabo Frio/Búzios e na volta comentávamos que no próximo ano queremos conhecer as praias mais reservadas e esse post caiu como uma luva, vai ajudar bastante! Beijão :*

    P.S.: Globo e Matte é vida hahahaha

    Curtir

    1. ahhhh que legal! Amei saber, viu! Se precisar de qualquer coisa, pode falar com a gente. Espero que você curta muito todas as vindas para o Rio, sei que não será a ultima vez né? hahaha

      E siiim, é vida! bom demais!! hahaha

      Curtido por 1 pessoa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s